Aleteia logoAleteia logoAleteia
Segunda-feira 26 Setembro |
Aleteia logo
Cultura & Viagem
separateurCreated with Sketch.

O lago onde Jesus apareceu para Santa Faustina

Este artigo é exclusivo para os membros de Aleteia Premium
Sanctuaire de sainte Faustine

courtesy of Zgromadzenie Sióstr Matki Bożej Miłosierdzia

Le lac de Kiekrz au bord duquel sainte Faustine a vécu une rencontre avec Jésus.

Marzena Devoud - publicado em 07/07/22

A 7 de Julho de 1929, S. Faustina chegou a Kiekrz, Polônia, num convento da sua congregação. Nas margens do lago junto ao jardim monástico, Jesus apareceu para ela, e assim Faustina o descreve no seu Pequeno Diário...

A cerca de quinze quilômetros de Poznan, no oeste da Polônia, existe uma pequena vila habitada em grande parte por entusiastas de velejar, pois está rodeada por dois belos horizontes de água: o Grande Lago e o Pequeno Lago de Kiekrz. Na margem deste último está o convento das Irmãs de Nossa Senhora da Misericórdia. Este é o lugar onde Santa Faustina Kowalska, canonizada em 2000 por João Paulo II, permaneceu durante o Verão de 1929. A jovem, que tinha feito os votos três anos antes, chegou a Kiekrz a 7 de Julho de 1929 para substituir uma irmã doente que estava a trabalhar como cozinheira. E foi enquanto caminhava uma tarde nas margens do lago, perto de uma das árvores mais antigas, que Faustina teve uma experiência mística, durante a qual Jesus apareceu para ela.

Sanctuaire de sainte Faustine

Uma aparição junto ao lago

Embora a data exata da sua visão não seja conhecida, a Irmã Faustina descreveu todos os detalhes no Pequeno Diário que ela manteve a pedido do seu diretor espiritual, Padre Michal Sopocko. Nele, ela registra as mensagens que Jesus lhe deu:

Esta não foi a primeira visão de Jesus da freira: nas suas notas, a jovem afirma que foi num baile muito antes de entrar no convento que teve o seu primeiro encontro com Jesus (Diário 9), seguido de várias outras “aparições privadas” ao longo da sua vida. Embora ela soubesse que a sua visão nas margens do Lago Kiekrz (como as que se seguiram, incluindo a mais famosa de 1932) não era uma ilusão, Faustina teve a intuição profunda de que teria de esperar muito tempo para que todas estas aparições fossem aprovadas pela Igreja. “Como não existe um decreto específico relativo às aparições privadas, foi o imprimatur do seu diário dado a 18 de Abril de 1979 pelo Cardeal Franciszek Macharski, Arcebispo de Cracóvia, e a teóloga Ignacy Rozycki, que aprovou a sua canonização”, explicou a Irmã Elzbieta, chefe do departamento de comunicações da congregação, a Aleteia.

Embora Faustina tenha passado apenas algumas semanas no convento de Kiekrz, a sua presença causou uma impressão nas outras freiras. A sua superiora escreveu mesmo à Madre Geral da congregação que estava convencida da vida profundamente espiritual que habitava na Irmã Faustina, que, segundo ela, “certamente desfrutou de graças especiais do Senhor”.

Sanctuaire de sainte Faustine

Em memória do seu encontro com Jesus no lago, as irmãs de Kiekrz restauraram o caminho que a santa percorreu para chegar ao lago. Ao longo do percurso, inaugurado a 5 de Outubro de 2005, centenário do nascimento da santa, antigos salgueiros testemunham a trilha da mística da Divina Misericórdia. No local onde a freira teve a aparição de Jesus, foi construído um altar com uma grande cruz. Finalmente, em 2015, a capela do convento tornou-se o Santuário de Santa Faustina.

Sanctuaire de sainte Faustine

A comunidade Kiekrz tem agora dez irmãs. Elas dirigem uma casa para mães solteiras e acolhem os peregrinos que vêm para fazer uma parada espiritual no lago onde Santa Faustina teve um encontro com Jesus. Dá para imaginar lugar mais lindo e pleno de significado?

Este artigo é exclusivo para os membros Aleteia Premium

Já é membro(a)? Por favor,

Grátis! - Sem compromisso
Você pode cancelar a qualquer momento

1.

Acesso ilimitado ao conteúdo Premium de Aleteia

2.

Acesso exclusivo à nossa rede de centenas de mosteiros que irão rezar por suas intenções

3.

Acesso exclusivo ao boletim Direto do Vaticano

4.

Acesso exclusivo à nossa Resenha de Imprensa internacional

5.

Acesso exclusivo à nova área de comentários

6.

Anúncios limitados

Apoie o jornalismo que promove os valores católicos
Apoie o jornalismo que promove os valores católicos
Tags:
MilagreSantosViagem
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia