Aleteia logoAleteia logoAleteia
Domingo 04 Dezembro |
Aleteia logo
Religião
separateurCreated with Sketch.

Por que a Bíblia não menciona o casamento de Maria e José?

Casamento de Maria e José

Jean-Baptiste Wicar | Public Domain

Pe. Cido Pereira - Reportagem local - publicado em 13/07/22

O pe. Cido Pereira explica algo muito importante sobre o que é essencial nos Evangelhos

Por que a Bíblia não menciona o casamento de Maria e José? Quem quer saber é a leitora Luiza, do bairro de Santana, e ela dirigiu sua indagação ao pe. Cido Pereira, que mantém uma coluna de perguntas e respostas no portal O São Paulo, da arquidiocese paulistana:

“Padre Cido, diz-se até hoje que o casamento de José com Maria é inspiração para os casamentos. Quando eles se casaram? Como e onde foi?”

Eis o que o pe. Cido respondeu:

“Luiza, os Evangelhos foram escritos para nos falar de Jesus. Eles nos falam de José e Maria no que se refere a Jesus. De forma que o casamento de José e Maria não é essencial. Basta o que diz os Evangelhos: que, esclarecida a gravidez de Maria como obra do Espírito Santo, ele recebeu sua Maria e cuidou dela.

Nos evangelhos apócrifos que surgiram nos primeiros séculos do Cristianismo e não são considerados inspirados, há várias suposições, entre elas a de que José seria viúvo e se casou com Maria tendo filhos do primeiro casamento. Nada disso é verídico e se trata apenas de tentativas de preencher vazios deixados pelos quatro evangelistas: Mateus, Marcos, Lucas e João”.

O sacerdote prosseguiu:

“Lembre-se, porém, minha irmã, de que é possível concluir que José foi um pai atento com Jesus; e Maria, uma esposa e uma mãe maravilhosa para José e Jesus. Foi uma família feliz, apesar da pobreza, uma família que foi migrante no Egito. Quando Jesus começou sua vida pública, José ainda estava vivo. Mas, quando Jesus morreu, Maria estava sozinha e o discípulo que Jesus amava recebeu de Jesus a missão de cuidar dela. O certo, portanto, é que Jesus foi um bom filho para José e Maria. José um esposo carinhoso para Maria e um pai e tanto para Jesus. Com razão, nós chamamos a família de Jesus de Sagrada. Jesus quis ser igual a nós em tudo. Quis, portanto, ter sua família como qualquer um de nós tem.

Por tudo isso, me encanta a verdade que o Padre Zezinho canta em uma de suas canções chamada ‘Estou pensando em Deus’. Canta ele que ‘tudo seria diferente se o Natal não fosse um dia, se as mães fossem Maria e se os pais fossem José. E se a gente parecesse com Jesus de Nazaré’. Deus abençoe sua família, minha irmã!”.

Tags:
BíbliaCasamentoMariaSão José
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!